segunda-feira, 2 de julho de 2018

A igreja em novo formato


A partir do segundo domingo de julho de 2018, nossa igreja terá uma nova dinâmica de ação, um novo formato. Não teremos mais um espaço físico, mas experimentaremos novas formas de ser igreja: nas casas em espaços colaborativos e em movimentos missionais.
Vamos resgatar um pouco o que foi a experiência dos primeiros cristãos, que não possuíam um local próprio para se reunir, mas procuravam ser igreja encontrando-se no templo judaico, nas casas e em cenáculos. Todos os dias, no templo e de casa em casa, não deixavam de ensinar e proclamar que Jesus é o Cristo” (Atos 5.42).
Vamos viver na prática um ponto fundamental de nossa doutrina: a igreja não é uma edificação, um templo ou uma casa. Ela é o corpo vivo de Cristo, a reunião daqueles que foram alcançados pela graça e se mobilizam e cooperam para que as boas novas do Reino alcancem as pessoas.
Vamos, enfim, colocar em prática os princípios que perseguimos desde a plantação: o de ser uma igreja para além do templo, do domingo e do clero, mais interessada nos relacionamentos e no cumprimento da missão de Deus no mundo.
Acreditamos que isso ampliará nosso sentido de comunhão e de compromisso com a fé, que contribuirá para o nosso fortalecimento como comunidade do Reino e fortalecerá nossos laços de amizade e companheirismo.

Leia no blog do pastor Irenio, Filosofia e Espiritualidade: